Estreia: Jogos Vorazes

jogos vorazes

Num futuro distante, boa parte da população é controlada por um regime totalitário, que relembra esse domínio realizando um evento anual – e mortal – entre os 12 distritos sob sua tutela. Para salvar sua irmã caçula, a jovem Katniss Everdeen (Jennifer Lawrence) se oferece como voluntária para representar seu distrito na competição e acaba contando , com a companhia de Peeta Melark (Josh Hutcherson), desafiando não só o sistema dominante, mas também a força dos outros oponentes.

O livro foi vendido aos cinemas como sucessor de Harry Potter e da Saga Crepúsculo. Eu particulamente só vi o filme, e não fui pega pela febre vampiresca, então espere de mim minhas sinceras palavras.

O filme não é ruim, porém como a própria saga Crepúsculo, pelo menos, no filme existe uma aceleração do tempo em partes que seriam de fundamental importância para aqueles que não leram o livro, como esta que vos fala. E de verdade eu odeio isso em filmes que saem dos livros. Parece que o diretor ou roteirista corta momentos importantes de propósito, porque caso você tenha gostado do filme e não entendeu muito bem uma coisa ou outra, vá lá compre o livro e esclareça suas dúvidas, descubra uma nova história.

O que achei super bacana no filme é o lado meio “1984”, para quem não sabe o filme que inspirou o Big Brother. Claro que isso deixa algumas cenas um pouco mais pesadas, afinal eles estão no reality show onde suas vidas estão em jogo. Mas alguém se arrisca a dizer que isso não é muito atraente?

No conjunto, aqueles que curtem efeitos especiais encontrarão alguns legais e os ligados na parte mais visual, por exemplo, vão viajar com algumas locações, além do exótico figurino e a maquiagem. As cenas de ação são boas e o “sangue” dos combates, embora esteja lá, é meio velado.

No elenco de jovens, além da protagonista Jennifer Lawrence, os outros integrantes se saem bem nesta aventura com baixíssima intensidade de carga dramática, o que acho ótimo. Elizabeth Banks funciona como uma estereotipada “gestora” de talentos e Lenny Kravitz, como ator, ainda é ótimo compositor, cantor e multi-instrumentista. Entre os veteranos, Stanley Tucci manda bem como apresentador/fanfarrão, enquanto Woody Harrelson repete outro papel meio maluquete, acompanhado de Wes Bentley e Donald Sutherland, honestos em seus respectivos e enigmáticos papéis.

E você que não assistiu o filme ainda, ou não leu o livro  ficou afim de entrar nesse novo mundo mágico?

Gostou do post? Então segue o blog é só clicar #seguir aqui do lado. Sugestão de post? Manda pra mim é só entrar em contato. Até a próxima.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s