Moda em foco: SPFW parte II

Como tinha comentado aqui voltei para falar sobre os desfiles dos dias 16 e 17 de junho, do SPFW.

O terceiro dia da São Paulo Fashion Week contou com desfiles de seis grifes que apresentaram suas coleções para o verão 2012, nesta quarta-feira (15).

Gloria Coelho, a segunda a apresentar suas peças na passarela, foi buscar inspiração nos anos 60 para trazer diferentes recortes e transparências.

A marca Huis Clos apresentou looks com franjas e calças mais curtas, com inspiração em flashes de cinema de Tom Ford e Wim Wenders.

 Já a grife de Mario Queiroz apostou na alfaiataria feminina em sua coleção.

No desfile da Osklen, modelos negros abriram a apresentação de uma coleção inspirada na cultura afro, com destaque para peças feitas em palha.

Destaque também para o predomínio do laranja no desfile da Colcci.

O quarto dia foi marcado pelos desfiles das grifes Cia Maritima, Paula Raia , Água de coco, Priscila Darolt.

A top Isabeli Fontana (na imagem) foi a estrela do desfile da grife Cia. Marítima, que apostou em referências diversas, entre elas a boneca Barbie, para seu verão 2012.

A estilista Paula Raia fez estreia da sua grife solo, agora sem a parceira Fernanda de Goeye. Para criar as roupas da próxima temporada, buscou inspiração no streetwear e no universo do hip hop, traduzidos por peças sofisticadas e femininas. Na paleta de cores, muito laranja e bege. Macaquinhos bem curtos (quase hot pant), lenços jogados, peças com vazados, transparências e calças amplas e esvoaçantes deram o tom da coleção da estilista, que abriu a própria casa para um público VIP em São Paulo.

A coleção verão 2012 que a Água de Coco mostrou no SPFW trouxe a Arte Moderna como principal referência. Na prática isso se traduziu numa brincadeira com formas, em que biquínis e maiôs surgiam assimétricos às vezes com cortes geométricos. As cores são fortes e contrastantes, como verde e azul, pink e laranja. As estampas reproduzem bonitos florais em lápis de cor, fotografias de praias feitas por Cássio Vasconcelos, coqueiros e quadrados coloridos.

A jovem Priscilla Darolt olhou para o preciosismo de técnicas artesanais, ilustrações dos anos 20 e para a estética da dançarina e cantora Josephine Baker, para criar o verão 2012. Resultado: uma coleção com construções em formas simples, retas e alongadas

Gostou do post? Então segue o blog é só clicar #seguir aqui do lado. Sugestão de post? Manda pra mim é só entrar em contato. Até a próxima.

Anúncios
Esta publicação foi postada em MODA e marcada , .

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s